quinta-feira, 3 de maio de 2012

DEVANEIOS E DESABAFOS


DEVANEIOS E DESABAFOS

Hoje o dia está cinza, proeminência de chuva, ou são meus olhos que estão assim meio que preguiçosos pedindo colo?

Hoje não estou para dengos, hoje estou para perguntas, para ficar quietinha comendo brigadeiro e indagando sobre a sociedade.
Não me ensinaram a ser legal quando o chefe não é lá aquelas coisas, esqueceram de me dizer que o sorriso no rosto tem que ser colocado, igual batom, pq ele simplesmente não aparece assim do nada.

Esqueceram de me dizer que na faculdade não se aprende nada, só ali na lida mesmo, azedando os temperos e carregando no sal que se aprende o que não pode errar, por que o erro, ah o erro é quase que inevitável, tanto ele quanto os tombos, que serão muitos, ou não, quem sabe se vc conseguir sempre ler o "aviso de piso escorregadio!".

Principalmente esqueceram-se de avisar que uma boa parcela do seu dia não será ao lado de pessoas com boas intenções, ou com desejos parecidos com os seus.

Se o seu objetivo é ter um trabalho limpo e concretizado, mal sabe que para isso terá que enfrentar os trabalhos mais sujos de todos.
Não é fácil lidar com pessoas, não é fácil lidar  com dinheiro (e se os dois estão juntos então, a situação piora ainda mais)

Então qual seria a alma do negocio (e o negócio tem alma? ou ele já vendeu também numa liquidação a preço de banana?)

Eu não tenho um plano B, tem gente que tem plano C,D, de emergência e pós emergência. Muitos dizem que o mundo acaba este ano, mas e para aqueles que o mundo já acabou há tanto tempo? Pra mim já vivemos eras diferentes, tantas que não reconhecemos nem as passagens delas. Pra mim estamos numa era apocalíptica, furiosa, bem jogos vorazes, onde o importante é se alimentar do outro.

Meu plano é viver um dia após o outro, da maneira mais digna possível, planejo sim alcançar alguns méritos e subir  alguns degraus com isso.Humm então tenho planos? Mas achei que eu não tinha /seguia planos apenas vivia. Acho que preciso rever meus conceitos.
P
refiro a minha vida sem tantos tracinhos e setinhas apontando para onde eu devo ir a cada passo. Se eu estou certa ou errada não sei, já mencionei que hoje estou para perguntas e não para respostas?

4 comentários:

Cacau disse...

Vejo suas perguntas e me sinto tão cúmplice porque também sou assim.Passo muitos momentos dos meus dias em questionamentos sem fim, tentando entender as pessoas,tentando enxergar o que elas enxergam. Às vezes acho que já é muito tentar me entender, cuidar da minha vida, fazer reforma íntima, ser melhor, sei lá. Caraminholas, Hellen, caraminholas de mulheres que querem crescer em meio as nossas meninices.Somos normais! Bjs!

Bibia Bueno disse...

Quando estou assim ligo a TV num programa bem besta. Já pensei muito, cansei. HEHEHEHE

Reformando a dois disse...

Oi amiga !!!

A Manu nasce dia 21, segunda feira e se Deus quiser tudo dará certa ... Eita ansiedade.

Pode deixar que assim que der colocaremos fotos no blog.

Bjs
Neili

Nárriman disse...

Amo seus textos! Me vi nas palavras desse... e lá se foram 50 anos de interrogações...rsss
Bjs!