quinta-feira, 7 de junho de 2012

Contos

Sempre gostei de escrever, perdi as contas de tantas historias por ai, são pedaços de memórias passadas, vontades e desejos acumulados, bons materiais de estudos para alguns psicólogos de plantão. Foram tantos amores que foram apenas realizados nos meus cadernos.

Nenhum comentário: