quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Falta de inspiração


E quando a inspiração não vem?

ME sinto sem inspiração nenhuma, seja para escrever, cozinhar, pintar, qualquer coisa, simplesmente um vazio ...

Isso me cansa (como o vazio pode cansar? não sei, essa é a verdade), como sempre inquieta, sempre criativa posso agora estar tão sem inspiração?

MArido disse que eu estou apenas cansada, que são os mal estares da gravidez, a reforma que nunca acaba e a mudança pela metade. Pode até ser... Não sei.

Ou será que são tantas dúvidas, o fato de simplesmente eu não saber o que está acontecendo esteja cortando a minha inspiração?

Alguem tem algum palpite?

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Estreando tag nova * vida de ....*


Bom Vamos lá...

 Hoje tem post novo na área( dois post na mesma semana e seguidos? não estranhem agora isso pode até virar rotina).

 Hoje inauguro uma tag nova aqui no Blog, um diário muito especial pra mim : "o diário da Gestante"


    Pois é, estou grávidade 8 semanas, e vou contar aos pouquinhos como está sendo essa nova jornada, só para pegar o ritmo nos próximos dias irei colocar como foram essas ultimas semanas até chegar na semana certa do calendario da gestação ai vou atualizando ocnforme as coisas forem acontecendo.

    Beijos pessoal e até a proxima.

terça-feira, 18 de setembro de 2012

50 coisas fora...


Será o projeto 50 coisas fora, um projeto definitivo?


 Andei pensando isso nesses dias, destralhando uma gaveta de camisetas (que não fora aberta no minimo há 5 meses) Vi quantas camisetas eu não uso há muito tempo e estavam lá na gaveta das roupas intocáveis. ROupas que eu considero ótimas para uso, mas estavam intocaveis a sei lá quanto tempo.

       Isso me fez parar para pensar, meu projeto terá fim? AGora penso que não porque a cada espaço que eu libero, demora um tempo, mas penso o que eu poderia fazer para simplificar , arrumar, deixar de uma forma que para mim possa ser mais viavel o meu dia a dia, ainda mais agora com uma novidade pela frente.

      Vou precisar de espaço e tempo disponivel e não quero perder essas duas coisas tão importanter para a fluidez do dia, porque uma gaveta de camisetas me obriga a limpar/higienizar/arrumar peças que eu nem uso mais.

       Não é um pensamento fácil para mim, é delicado, mexe com muitas convicções antigas e pede toda uma cautela do meu ser, não adianta forçar porque se não vira um castigo e não um prazer.


       Logo eu que sempre fui bagunceira e nao estive nem ai pra isso, me sinto agora desconfortável num ambiente assim . Agora imagina o caos, estou sem guarda roupa, todas as minhas roupas, roupas do meu marido, de cama, banho, estão todas na nossa saleta? Estão numa pequena mesa lateral, no sofá e na tábua de passar roupa (que agora esta definitivamente armada pois a roupa precisa de um lugar para ficar) Consegue imaginar o meu pavor?

 Isso me fez refletir muito sobre um eterno declutter, muitas peças de roupa estao em sacolas porque não tem espaço para ficar na minha mesinha/sofa/tabua... entao eu precisa de tantas peças de roupa assim? já que tenho usado praticamente a mesma muda de roupa?

          Agora não estou podendo pegar pesado no declutter, não estou tambem nem com espaço para me movimentar muito, mas isso está fazendo muito bem par gerir novos conceitos em mim


         Ps- Já foram muito mais de 50 coisas jogadas fora e para mim, tudo o que eu já consegui fazer em destralhar o que destralhei, considero o projeto um sucesso

 Beijos e até a próxima.