sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Resumão de novembro

Eita que fazer o resumo deste mês vai ser complicado.... para ser sincera o resumo será construído através das fotos que eu tirei no mês porque minha memória ainda está no limbo e não sei quando ela irá voltar... será que a memória um dia volta ou a tendencia é só piorar mesmo?

Preparação para Star Wars. 

Bom marido é fã de Star Wars, eu confesso que só gosto e acaba por aqui, talvez seja a minha paciência que anda muito curta e não consigo me prender a algo por muito tempo e  ficar três horas ( no mínimo) assistindo algo está longe de ser algo que eu consiga fazer por esses dias, a minha concentração vai para as cucuias e também confesso que assisti a uma unica vez cada filme e as historias estavam bemmmm fraquinhas na minha mente,

E claro que a algo da grandiosidade de Star Wars não iria passar batido em vários segmentos desde a livros, revistas, roupa e tudo mais que possa ser vendido por aí, Para me atualizar ganhei do marido essas duas revistas e adorei, elas não são unicamente um resumo de cada historia, são detalhes que as vezes passam despercebidos, historias de making of e muito mais. Adorei e em breve vou fazer um post explicando a diferença entre elas, não prometo que saia antes do filme ( já garantimos nossos ingressos), mas com certeza falarei um pouco delas aqui no blog.


Caça ao Papai Noel

Esse ano a Alice perdeu medo do Papai Noel e pediu várias vezes para visitar o bom velhinho e fiz sua vontade, não expliquei de pedir presentes, de ser boazinha e nada disso, apenas é uma figura natalina que ela conta um pouco do dia dela e mais nada, ainda não chegamos num consenso aqui em casa sobre essa história, enquanto isso aproveitamos essa inocência tão linda e deixamos a historia rolar.


Academia

Virou uma saga, perdi a vontade e o incentivo, apesar de ver meu corpo finalmente se transformando e coisas que eu não aguentava pegar em casa ( peso) finalmente estava conseguindo fazer, mas os resultados ainda não estavam sendo satisfatórios. Alimentação também não é a ideal e sem o equilíbrio, o trabalho não dá resultados positivos, pensei em desistir, mas li uma ótima frase, se está cansado de recomeçar, para de desistir. Começar do zero não me pareceu uma boa ideia, afinal já estou começando a ter uma resistência corporal, desanimada ou não eu resolvi investir em roupa confortáveis e continuar a saga, uma hora eu acerto.


Sala de espera.

Engordei seis  quilos em poucos meses, sei que balança não é indicativo de saúde e não gostei nada disso e resolvi fazer um check up geral. Quando estamos grávidas, passamos longos meses fazendo exames e indo a consultórios e não sou chegada em médico, mas até por causa da anemia eu resolvi voltar ao médico e saber se anda tudo direitinho com a minha saúde.

Na sala de espera aproveitei para colocar a leitura em dia, gosto muito de ler e sempre carrego um livro comigo, mas desde que virei mãe, ter esse momento sozinha é raridade e sempre estou atras de uma bebê. Essa foi a primeira consulta que fui sozinha desde que virei mãe!



Sem computador

ai que novela, fiquei sem computador e passei uma boa parte do mês ociosa, até que resolvi ser old school e escrever várias coisas no papel mesmo e agora preciso passar tudo a limpo.


Também teve dois chás de  bebês muito especias no  das minhas queridas amigas que estão gravidas e os bebês estão previstos para a mesma semana ( ai ai será) estou super ansiosa para ver as novas menininhas do pedaço, tudo isso me fez ficar saudosista das minhas gestações, afinal passa muito rápido depois que passa ( mamães de plantão entenderão).

Com certeza teve mais coisas e até eu gostaria de dizer, mas e quem disse que eu lembro! Então vou encerrar por aqui mesmo e continuar a escrever para colocar tudo em dia, até mais pessoal!



quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Resumão do mês de outubro

Sim, bem atrasado, mas o resumo do mês de outubro vai sair sim e com todo carinho e dedicação!

Foram muitos perrengues em outubro e novembro, mas eles merecem ter seus registros aqui também, fazer esses resumos é ótimo para que eu possa relebrar as coisas coisas que aconteceram e não deixarem elas caírem no limbo da falta de memoria.

Outubro passou como um raio e exigindo calma para resolver as principais obrigações e deixando alguns planos de lado, aos poucos estamos retomando os planos.

Teve aniversário? Teve sim senhor!

Comemoramos o aniversário da caçula de forma bem caseira e criativa, o tema foi da Branca de neve, o trabalho pesado eu fiz em setembro e então foi só curtir em família :)



Cirurgia do marido

Na primeira segunda útil do mês, marido operou a vesícula e exigiu toda uma estruturação familiar, desde coisas simples como o cardápio da casa e de quem ficaria com as pequenas no dia da cirurgia, o pós operatório foi tranquilo pra ele e pra mim foi um verdadeiro se vira nos 30, as meninas queriam pular em cima do pai e não podia e não tinha com quem dividir os afazeres da casa e sinceramente não estou acostumada com isso.

Academia

Setembro terminou sem que eu colocasse os pés nela e surpreendente senti muita falta e  meu corpo reclamou muito como dores nas articulações e o cansaço. Enfiei o pé, perna, pescoço na jaca e meu organismo gritou, eu estava levando uma vida um pouco mais saudável trocando já alimentos que não eram bons para o organismo (como o glúten _ falarei disso mais para frente) e as minhas cólicas abdominais voltaram com tudo.

Outubro também não foi um mês onde consegui ir todos os dias para academia, exige organização da casa, do cardápio (não dá para jantar e ir logo em seguida para a academia). Organização é a palavra chave e estou sentindo falta de ter uma rotina mais certinha para não perder as coisas que eu quero fazer por falta de tempo ( que nada mais é falta de programação).


31 anos chegou.

Não teve post especial e muito menos uma comemoração chiquetosa, apenas minhas filhas, meus pais e meu marido, foi um dia normal em casa e foi muito bom! Calmaria também faz bem!!!



Leituras do mês.

Não teve leitura no mês de outubro de livros, feio eu sei, mais um item que a falta de organização pode atrapalhar coisas simples da vida, era ler uma linha dez mil vezes e não entender o que estava me dizendo e desistia.

Porém teve leitura de duas revistas bem legais que levaram eu escrever um post bem bacana do meu lado nerd... Vai ter Star wars sim no blog e eu vou na pré estréia . Um evento pra mim que ir no cinema é algo que não está na programação no dia a dia.

E ainda sobre leitura tenho uma novidades muito legal para contar, o blog tem uma parceria, a primeira, então podem imaginar o quanto estou feliz com isso.

A parceria é com a autora K.S Broetto que produziu e lançou seu primeiro livro Fassade, falarei mais no.próximo post onde explico mais sobre a parceria e só posso dizer que a leitura de novembro está garantida.





E teve passeios para a criançada se divertir no dia das crianças? Teve sim senhor!

Levei as meninas para passear e curtir várias vezes no parque da Turma da Monica que o shopping local montou, tinha alguns brinquedos e no final de cada tempo de brincar , uma história de fantoches.

Alguns desses passeios eu fui sozinha e de ônibus com as duas pequenas e chega a ser engraçado os olhares das pessoas, quase me sinto uma e.t. nessa historia.




Não teve posts especiais ou links de favoritos este mês pois quase não acessei a internet, faltou tempo, paciência e organização. Estou revendo uns conceitos que eu achava como certos na minha vida, pausar e revisar o que desejamos nos ajuda a alcançar nossos objetivos.

E vocês o que fizeram de legal ou importante no mês que passou?

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Resenha : Fassade


Oi todo mundo, hoje eu falarei um pouco mais sobre o livro Fassade, da autora K.S. Broetto, uma publicação independente onde os principais elementos da história são o mistério, fantasia e os sentimentos dos personagens.


Pude acompanhar alguns detalhes da produção desse livro, onde a autora publicava em suas redes sociais onde ela escrevia suas dificuldades e avanços nessa jornada de auto publicação e ao ver o livro pronto vibrei junto, afinal é sempre bom ver uma mulher avançando e vencendo nessa sociedade.



Fassade chegou em mãos com todo capricho e cuidado e fiquei encantada com o envelope, as lembrancinhas que a Karol enviou junto com o livro, marcadores, cartões e uma dedicatória no cartão postal que guardarei para sempre de recordação dessa parceira linda. Foram muitas tentativas frustradas para conseguir ler este livro e não porque a leitura seja difícil, pelo contrário o livro é uma delícia, mas a nova vida de mãe de duas me mostrou que ler como lia antes não é nada fácil!




Eis que finalmente consigo terminar de ler e escrever essa resenha ( um pequeno adendo : muita coisa aconteceu nesse período, o que mostrou que preciso me organizar mais como mãe e como profissional, eu abria uma página  do livro e lia três ou quatro vezes a mesma linha porque era interrompida todo tempo e entre mil coisas para fazer, vi que até as minhas leituras e momentos de escritas precisam estar planejados no dia, senão eu provavelmente não conseguirei cumprir as metas que desejo), mas vamos a história que ela sim é a estrela desse post.


O livro se passa na Inglaterra, na era vitoriana, sendo os personagens principais o pirata Siegfied    e o mercenário Joanh Wells e as demais pessoas envolvidas nessa viagem que envolve o Barco Angst e sua tripulação, seres místicos e muito mistério para completar esse romance, para mim é a receita perfeita de leitura e entretenimento. A narrativa do livro decorre naturalmente não se tornando cansativa e fazendo você devorar o livro pois nem sente as páginas correndo entre os dedos e mesmo assim todos os lugares, roupas e acontecimentos são bem descritos e detalhados, você consegue imaginar dentro do livro e visualizando todo o cenário e personagens de forma natural.



Ninguém sabe nada do jovem Johan que aparenta ser apenas mais um jovem e ao longo da história podemos ver que ele não é um jovem tão comum assim. Obstinado em cumprir suas missões, misterioso e muito perspicaz em manter a aparência e passar despercebido no meio de uma multidão
Para saber mais do livro vocês terão que ler para descobrir por si mesmo e vivenciar através das palavras essa aventura por terra e mar protagonizada pelo Pirata e o Mercenário e enxergar através dos véus as fantasias regadas da era vitoriana. Fassade é um livro  fantástico que merece ser uma trilogia para descobrirmos mais sobre a vida desses dois aventureiros e com certeza se a autora K.S Broetto publicar outros livros, eles farão parte da minha estante!





Me apaixonei pelo livro, pela historia e pela criação desse projeto, nota dez em tudo.