domingo, 27 de março de 2016

Sem comprar

Olá pessoal tudo bom?

Hoje falarei um pouco mais dessa difícil experiência de ficar sem comprar e como ela pode mexer com a auto estima.

Não demorou muito para ter a semana que desejei quebrar o desafio, tinha uma festa para ir e não estava me sentindo bem com a minha aparência (o caos foi desde desejar um guarda roupa completamente renovado quanto a cortar o cabelo bem curto) e pensei porque não comprar uma peça de roupa coringa para me ajudar melhor a compor meu guarda roupa?

Saí as compras, busquei em diversas lojas e nada me agradou, fora a sensação de eu estar traindo meu objetivo. Achei tudo muito caro e não estava em busca de nada rebuscado, então passei a pensar do porquê comprar se as peças que eu estava gostando eram muito parecidas com as que já estavam no meu guarda roupa?

Fora que a "moda" atual é inverno e gente eu sinto muito calor, muito mesmo, faço muitas coisas a pé e portanto ando muito, para quê eu iria comprar uma blusa que iria até meu cotovelo se em poucos minutos eu estaria derretendo, toda suada e provavelmente eu tiraria para colocar uma regata (a mesma de sempre diga_se de passagem) e teria mais uma blusa de manga 7/8 no meu guarda roupa.

Se eu não tivesse proposto esse desafio para mim eu teria comprado, estaria satisfeita momentaneamente só que por um período curto de tempo.

Então o desafio serviu para auxiliar a não comprar compulsivamente, consegui naquele momento analisar o que realmente estava me levando as compras e não cedi.

Até o próximo diário do desafio!

quarta-feira, 16 de março de 2016

Vantagens de um armário reduzido

Oi todo mundo

Sim existe beleza e vantagem de possuir um armário reduzido, como já falei algumas vezes aqui, mas não custa repetir, eu não sigo entre todas as linhas o armário capsula, estou buscando cada vez mais uma vida mais simplificada e isso se aplica ao armário minimalista.

Eu já usava um número limitado de roupas, apenas elas não eram as únicas no armário. Passava muito tempo encarando todas aquelas peças e sempre as mesmas eram escolhidas,então coloquei em pratica a limpeza e deixei apenas as peças que eu uso em todas as estações.

Aqui expliquei um pouquinho mais como foi esse processo de destralhar o guarda roupa e porque decidi ficar com mais peças e não aplicar o armário capsula.

Quem não lembra do Closet Sonho de consumo da Carrie Bradshaw em Sex and the City?



Vamos as vantagens:

Não demorar tanto tempo para se arrumar e escolher o que vestir - olha eu até não demorava muito antes porque sempre usava as mesmas opções, porém não rola aquela indecisão de não usar aquela peça que está ali parada ou tentar achar algo de sempre para vestir.

Ter um guarda-roupa organizado : sério isso é vida para uma mãe que trabalha e tem mil coisas para fazer e ainda gosta de blogar, todo o tempo economizado é lucro nessas horas.

Economia doméstica : sei o que tenho, o que vestir e sei o que me cai bem, por isso diminuiu o número de armadilhas de comprar algo por estar em promoção ou achar bonita que não tem nada a ver com o meu estilo ou que eu não preciso.

Saber o que estou vestido : Como sei exatamente o que estou vestindo, minha auto confiança ficam lá em cima, eu não preciso ficar com receio de algo não estar combinando ou a peça não estar me favorecendo, eu sei a minha aparência e acredito nela .

E aí achou as vantagens interessantes? Meu marido chegou a perguntar se isso não seria apenas uma fase e se caso a próxima casa não tivesse um espaço para um closet se isso não mudaria. Eu penso que não. Ter uma vida mais simples e mais minimalista vira um estilo de vida, vamos nos modificando e nos adequando a novos jeitos de viver e as necessidades passam a ser outras, o que vocês acham, esse processo é reversível ? Rs eu espero que não pois a cada passo que dou me sinto muito mais feliz em possuir coisas e não dos objetos me possuírem e me escravizarem nas suas obrigações de mante-los. 

Até mais!



quarta-feira, 9 de março de 2016

Armário Cápsula : Conhecendo o conceito

Oi todo mundo

Hoje eu falarei um pouquinho do meu armário, como estou reorganizando após a perda de pesa e da maternidade e falar também sobre o tal armário cápsula que agora está tão famoso e o um pouco mais sobre minimalismo

Tenho estudado sobre o assunto a muito tempo, lendo vários blogs sobre minimalismo e livros sobre organização, a teoria me ajuda a ter certeza do que eu estou fazendo, não que descartar seja algo complicado, mas o objetivo aqui não é retirar as coisas só armário e sim modificar um estilo de vida de um consumo aleatório de roupas e acessórios para um consumo inteligente e consciente do ato.

Na  teoria o armário capsula é um conjunto de roupas, acessórios e sapatos que somam por volta de 37 peças para serem usadas num certo período de pré determinado de tempo, neste período não é recomendado compras aleatórias de novas peças  .

Já o armário minimalista o objetivo é ter o menos possível e ter um guarda roupa funcional e objetivo que auxilie no dia a dia e não necessite de comprar de emergências, talvez a maior diferença seja não ter a limitação da compra durante o tempo da capsula e não ter período de validade, aqui o armário é o ano inteiro e funcional.

Primeiro passo foi o estudo das cores e do formato das roupas que me caiam melhor, também aproveitei esse tempo e estudei estilos de roupas que mais me agradavam até chegar a conclusão daquelas que eu mais me identificava



Estudo de cores:

Essa parte foi divertida e eu achei que seria bem fácil, mas para a minha surpresa surgiram muitas dúvidas porque a cor favorita, nem sempre é a melhor cor de roupa, claro que existem os profissionais que estudam as melhores cores para você na cartela, as melhores combinações, cores quentes e frias. Estudei aqui as cores que eu mais gostava ( não necessariamente as que eu mais tinha no guarda roupa) e as que eu achava que cairiam melhor na minha pele.

Procurei colocar as blusas juntas para estudar as cores que mais me atraiam.

Experimentei a maioria das roupas nessa fase e pensei nas cores que eu mais gostava de vestir, as cores acima são das minhas camisetes que eu gosto de usar por baixo de camisas, camisetas com decotes extravagantes ou transparências. Quando verifiquei no meu Planner, vi que algumas coisas que eu tinha já batiam com o que eu estava planejando para mim.

Planner da Gabi - teoria Criativa- Traduziu, que eu colei no meu planner para me auxiliar no dia a dia.


Depois foi a parte difícil, tirar todas as roupas, verificar quais se encaixavam na minha nova vida de mãe, mulher de 31 anos e das coisas que eu ansiava fazer na vida e retirar tudo aquilo que não se encaixava nas respostas acima ou no meu quadril.

Nessa jornada de armário cápsula descobri muitos sites legais, entrei no grupo do facebook e reviveu ainda mais a vontade de uma vida mais simples e minimalista de que tempos em tempos afloram em mim, não sou do tipo que faço tudo de um dia para outro, já fiz isso uma vez e acabei com um quarto branco com uma cama e apenas um guarda roupa fixo e não fui feliz nesse período, me lastimei demais pelos móveis de madeira de verdade e tudo porque a razão que eu tinha feito não era pelos motivos certos, não adianta querer mudar o externo se internamente não está pronto ou não é isso que deseja.

Alguns links sobre o armário cápsula

Como já falei anteriormente, muita gente já faz o armário cápsula e fala sobre isso, então resolvi reunir aqui mais alguns links caso seja interessante outras fontes

Teoria criativa - Não tem como mencionar o armário capsula no Brasil e não mencionar esta blogueira. Sério gente a Gabriela fez várias posts lindos e bem explicativos de todo o processo dela e tem fotos de todos os looks que ela cria com cada armário.

Esse post da Marta - Alguns momentos escreveu a dificuldade de preencher o planner sobre o armário, repensar ali na pratica o que precisa comprar, o que se tem e o que é o ideal pode ser mais dificil do que parece, aconteceu comigo, eu também senti muita dificuldade em preencher e foi aí que cheguei no Blog dela.

Links de vídeos

Light by Coco é um canal muito interessante para quem curte o minimalismo, Coco Posta desde vídeos com dicas sobre o estilo de vida, o que vai na minha mala e sim até os vídeos de rotinas matinais, noturnas e antes de viajar, dentro do estilo de vida dela. O vídeo abaixo foi muito impactante pra mim e reforçou o caminho que desejo seguir.

Você consegue imaginar fazer a sua mudança de casa com apenas uma viagem de carro? Todas as suas roupas caberem apenas dentro de uma única mala ? É uma bela inspiração!


Querido click é o canal da Marina e ela fez posts muito interessantes falando do assunto também, caso queira assistir o link do primeiro vídeo está logo abaixo. Ela também tem outros vídeos falando de livros, comportamento, vale a pena conferir.



Gosta de minimalismo assim como eu, mas não chegou no nível total de desprendimento? A Simplicity by Caos é este o caso, com um quarto decorado e algumas coisas a mais, ela faz um armário minimalista e cada vez mais reduz suas coisas e faz vídeos contando sobre organização, minimalismo e como é o seu dia a dia




Bom vou terminar o post por aqui, logo volto com o assunto e com o vídeo falando mais sobre o meu armário híbrido, esse assunto não está nem perto de acabar, afinal as roupas estão aí para nos provocar a comprar , até mais!

quarta-feira, 2 de março de 2016

Mais um desafio de ficar sem comprar

Oi Todo mundo tudo bem?

Estou iniciando mais um desafio sem comprar e dessa vez será mais complexo, pelo menos para mim. Ficarei seis meses sem comprar : Roupas, acessórios e sapatos e o desafio só se aplica a mim. A única exceção que farei aqui será caso eu precise de roupas para o trabalho, caso as minhas não sejam compatíveis com o ambiente e em caso de festas  que exijam trajes específicos e isso também se eu não conseguir emprestado.

O desafio compreenderá entre os meses de março a agosto de 2016, os posts serão as sextas feiras e quinzenalmente.

Meus objetivos com esse desafio é:

- Promover meu auto conhecimento e o que me leva a comprar: necessidade, desejo de satisfação pessoal, hábito comportamental, suprir outras necessidades através das compras. Com isso espero conhecer melhor meus hábitos;

- Economia doméstica : Tenho roupa suficiente para me suprir, então porque gastar com mais roupas? Cada vez mais penso no consumo consciente de bens, o quesito financeiro é importante, porém penso também no que deixo de empregar para outros fins, gastando com mais coisas que ficaram apenas guardadas em cima de mais coisas e sem estarem todas em uso e circulando;

- Circulação de Energia : me incomoda muito ter coisas que não estão em uso, tenho o que preciso e vou me focar isso, não quero que esse desafio se torne um castigo, pelo contrário, quero mostrar para mim que eu tenho o suficiente e que posso usar meu tempo para comprar e o dinheiro para outros projetos;

-Ser o exemplo: Quero ensinar as minhas filhas a importância de qualidade ao invés da quantidade, conscientizar sobre o dinheiro e compras, que podemos viver com o que temos e algumas outras coisas que envolvem compras, dinheiro, minimalismo, materialismo. Para ensinar essas lições eu preciso aprender a viver essas lições e os exemplos são as melhores formas de ensino.

-Exercitar a criatividade, misturar combinações;

- Quando voltar a consumir, vou estar muito mais atenta a qualidade do que desejo e a consciência do que realmente preciso.

E aí alguém já pensou em participar de desafios que envolvessem ficar sem comprar algo?