segunda-feira, 25 de abril de 2016

Pequena atualização...

Oi todo mundo

Peço um pouquinho de paciência para quem me segue e permaneçam por aqui.
As postagens serão mais simples, muitas estão sendo feitas pelo aplicativo do blogger (que por sinal não possui muito recursos e não dá nem para "justificar" o texto), mas como as idéias fervilham vou continuar postando assim mesmo e depois com calma vou retornando por post e colocando a qualidade que cada um merece.

Estou em adaptação de rotina aqui em casa, estou vendo o que funciona para família e principalmente para mim. Continuo acordando as 5 da matina para ajeitar as meninas para a escola e todos nós tomarmos café da manhã juntos.

Então quando retorno para cada após o trabalho apenas faço o jantar, cuido rapidamente da casa e aproveitamos um pouco as meninas para logo encerrar o dia. Não estou conseguindo descansar muito, anda muito quente e à noite a cada ferve e passo muitas horas acordada, as meninas também adoeceram , outro fator que prejudicou o descanso em família, uma situação que espero muito em breve  contornar.

Bom vou me indo que a hora do almoço é curta para tanta coisa que desejo fazer e não percam os próximos posts, tem o projeto de ficar sem comprar, tem o projeto um mês s refrigerante que estou escrevendo como foi e muita coisa que estou arrumando para entrar no blog


Beijos e até mais!


quarta-feira, 13 de abril de 2016

De desfalque em desfalque, vou descobrindo que ainda possuo muito.

Oi todo mundo, como tem passado?

Já falei aqui que o desafio só é valido se possui um bom objetivo para quem o pratica, armário capsula, armário minimalista ou ficar sem comprar só será proveitoso se a pessoa que o faz está curtindo o objetivo de vivenciar a experiencia.

Então por mais que seja modismo (sim ficou famoso, já apareceu em muitos sites e telejornais o assunto) ainda sim é preciso desejar passar por isso e alcançar o objetivo, para participar do desafio basta seguir as regrar do site que mais lhe agrada que também está com os mesmos intuitos que você ou estipular suas próprias regras, mas não é porque é obrigatório que não deve segui-las, é necessário ser fiel a você mesmo.

Quando fiz o post de armário desfalcado, eu não havia feito a ultima limpa que fiz recentemente e retirei mais de quatro sacolas de roupas (aquelas ecobags grandes) tudo bem que até um casaco grosso de pelos e uma manta estavam juntas na sacola, mas eram peças que estavam no meu armário tomando um espaço enorme que me faziam crer que eu tinha ainda mais peças para usar.

Então como escrevi um post de desabafo que achava que não tinha roupas suficientes para estar fazendo um projeto de seis meses sem comprar e ainda pude tirar tanta roupa do meu armário? Simples - existem autos e baixos o tempo todo na vida e as vezes não confiamos no nosso taco e duvidamos de algumas coisas que escolhemos, ainda mais quando essas coisas são novas na nossa vida.

Tirei muito do meu guarda - roupa e sei que tenho muito mais para tirar é um projeto de vida reduzir e o consumo de coisas desnecessárias e viver mais. Ainda compro livos e sempre os comprarei, adoro comprar novas cores de lápis de cor, principalmente quando os lápis chegam no toquinho, não sei o quão minimo chegarei, estou testando os meus limites e me conhecendo para descobrir o quanto basta pra mim. Essa é a chave da questão o quanto basta para você

Para mim meu armário está ficando uma graça, cores ornando entre si, padronizado e nada sem graça, quero sim algumas peças novas e diferentes e o melhor de tudo ficar sem comprar está me obrigando a olhar melhor para as minhas peças, aprendendo a cuidar delas e descobrindo o que realmente gosto, então eu digo sim ao desafio e aos meus projetos pessoais tão diferentes, eles movem de maneira divertida a vida e diversão é tudo.

spoiler do próximo post sobre o assunto.


Até mais!




sexta-feira, 8 de abril de 2016

Sobre ficar sem comprar e um guarda roupa desfalcado.

Oi todo mundo

Com mais um desafio de ficar sem comprar precisei revisar seriamente meu guarda-roupa para ver o que eu tinha e como eu usaria as minhas peças do guarda roupa que estava cada vez mais magro. Veja bem a um tempo que estou reduzindo meu consumo, por não sentir necessidade de sempre estar com algo novo no armário e cada vez que eu leio, pesquiso, estudo sobre organização e minimalismo, sempre acho que tenho demais, mas ainda não cheguei ao nível de ter todas as minhas roupas e acessórios caberem numa unica mala.

Quando engravidei da primeira vez eu já estava com poucas roupas e precisando renovar o guarda roupa e decidi que compraria o mínimo possível e enquanto as minhas roupas servissem em mim, elas eram o que eu continuaria usando, para dizer que eu não comprei nada, eu comprei duas bermudas jeans próprias para gestante ( por uma bagatela de R$ 25,OO cada em alguma lojinha de banca no Brás em São Paulo) e uma blusa rosa bebê bem larguinha e cheia de pregas que permitiram meu barrigão crescer .

35 semanas na segunda gravidez, uso até hoje essa blusa


Quando engravidei novamente eu não havia comprado mais roupas para mim, estava emagrecendo e queria emagrecer mais e havia tomado a decisão que iria esperar mais para comprar novas roupas e com a segunda gravidez o intervalo foi pequeno, utilizei as mesmas roupas e não adicionei nada novo.

Esse vestido continua ótimo, tecido de boa qualidade.

Com isso as minhas roupas estão desgastadas, algumas estavam poidas e quando iniciei meu primeiro projeto de não comprar, meu armário já andava bem desfalcado. Não realizei mais compras para repor e ainda sim vi que tinha bastante roupa para continuar com o projeto.

Veja bem quando descobri o armário cápsula, eu comecei a estudar as roupas que eu tinha, o que eu sentia por cada peça e se eu realmente iria usá-la, em seguida veio a limpa, algumas sacolas e mais sacolas se foram e o guarda roupa não foi ficando mais magro, mas também não estava tão recheado e versátil assim.

A primeira providencia foi experimentar a maioria das roupas ( deveria ter sido todas.mas confesso que as roupas de frio não me convenceram a ser experimentadas com este calor todo) vi o que servia em mim e as roupas que precisavam de conserto e eram muitas, estavam grandes na cintura ou precisam ajustar a barra das calças e assim foi até ter uma pilha de roupas para arrumar, para ficar e para doar.

Agora eu iniciei um segundo desafio de ficar sem comprar, fico pensando se foi a melhor hora para isso, seis meses são muito tempo para um guarda roupa desfalcado, porém meu objetivo é me conhecer melhor e quando voltar a comprar saber meu estilo e voltar a comprar de forma consciente e que as peças combinem entre si.

Porque algumas lições eu já aprendi com esses pequenos desafios que eu já fiz:

- Não adianta comprar uma peça que eu gostei se ela não vai combinar com nada que eu tenho, só irá me gerar mais compras e mais coisas em casa, porque ou a peça vai ficar guardada ou terei que providenciar peças que combinem para poder usar;

- Promoção só é bom se eu conheço o que eu gosto, o que eu quero e sei o que comprar, preços mais em conta nos levam a um consumismo desenfreado e uma grande pergunta de o porque comprei se nem cabe mais nada ? Algo muito importante para pensar na hora de resistir essas grandes tentações

- Qualquer projeto ou desafio só vale a pena se for por você e para você e não por modismo e não por uma rede social ou um blog, eu uso os desafios para me conhecer e testar coisas novas e teorias, se vale a pena faça também, escolha um que a ideia final ( o porque de fazer lhe agrade) se não gosta , não faça só porque todo mundo está fazendo não vale a pena

Bom gente eu vou ficando por aqui essa pequena reflexão veio logo após uma pequena crise de eu não tenho nada para vestir nessa festa que eu vou e logo em seguida pensar uau se eu me mudasse hoje eu teria muito o que fazer para guardar todas as roupas e arrumar tudo na casa  nova então eu tirei a maioria das roupas até achar uma combinação bacana para usar e refleti sobre o meu guarda roupa e resolvi escrever sobre como foi a caminhada do ficar sem comprar e meu guarda roupa até aqui para me lembrar porque mesmo gostando de moda e claro de comprar escolhi fazer um projeto desses pra mim.

Beijos e até mais





Sobre sonhos e realidade

Oi todo mundo

Tenho escrito bastante para o blog, vários rascunhos e mini projetos onde coloquei todo o meu carinho para produzir conteúdo bacana para o blog, só que eu estava um pouco abatida, sentia a vida em suspensão, como se eu tivesse apertado um botão de pause somente sobre mim enquanto todo o universo se movimentava e eu ali aguardando algo acontecer para que eu mexesse e caminhasse junto com o universo também.

Esse marasmo se arrastou por alguns dias, semanas e eu não sabia bem como sair da inércia para fazer o meu universo se movimentar novamente, difícil escrever aqui o que eu estava sentindo e quer saber às vezes é melhor não escrever mesmo para não eternizar momentos que não devem ser perpetuados.

Hoje vim mais para contar que muita coisa vai mudar no meu mundinho, segunda feira eu retorno a vida profissional, minha vida vai mudar muito com isso, vou precisar reorganizar a rotina da casa, das minhas meninas e da família em geral e creio que terei muita coisa nova para mostrar aqui e quem sabe ajudar algumas pessoas que estão na mesma fase que eu.

Não desista dos seus sonhos, mesmo que a realidade esteja te dizendo ao contrário. Precisamos sempre acreditar na gente e batalhar por isso, afinal sem os sonhos, apenas estaremos sobrevivendo e não foi para isso que recebemos tanto intelecto, essa dádiva nos foi concedida para crescer e no mínimo perpetuar a espécie com adultos amados e consciente.

Beijos para todos!